MAURO IGNÁCIO PEDE O RECONHECIMENTO DAS ATIVIDADES VETERINÁRIAS E DE PETS COMO ESSENCIAIS

O governo do Paraná anunciou na terça-feira (30) um novo decreto (4.942/20) que determina uma quarentena mais restritiva em sete regionais do estado, incluindo Curitiba e Região Metropolitana.

Na quinta-feira (2), motivado pelo apelo popular, o vereador Mauro Ignácio enviou uma proposição ao governador do Paraná, Ratinho Júnior, solicitando que a classificação dos trabalhos de medicina veterinária e de banho e tosa de pet shops sejam consideradas serviços essenciais, permitindo seu funcionamento durante a vigência do referido decreto.

Segundo o vereador, os trabalhos são essenciais para a saúde dos animais.

“Muitos animais de estimação ou domésticos vivem dentro da casa das pessoas, compartilhando ambientes, móveis e objetos. Dessa forma, a correta e constante higienização dos animais é de extrema importância para contenção da propagação do vírus. Alguns animais estão em tratamento para doenças crônicas usando shampoos de tratamento para suas enfermidades. Existem muitos animais idosos, com dificuldades motoras, entre outras necessidades que requerem cuidados especiais”.

Vereador Mauro Ignácio

Se a sugestão for acatada, comércios destes segmentos poderão funcionar durante o período de 14 dias das novas medidas restritivas.